Montreal By Night
Pally Masters Play By Forum

1º PASSO: Se Registre no fórum

2º PASSO: Entre em contato com o Narrador Mikael Strigoi via MP ou então faça Login no Chatbox do fórum.

3º PASSO: Entre em nosso grupo no Facebook: Fórum Pally Masters

4º PASSO: Divirta-se

IMPORTANTE:
Como os temas abordados nas crônicas do Sabá (e principalmente de Montreal) são bastante fortes se recomenda que os jogadores tenham 16 anos ou mais.

-G- (V/H) Imigração: Novos caminhos e novas línguas.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

-G- (V/H) Imigração: Novos caminhos e novas línguas.

Mensagem  Percival Schuttenbach em Seg Mar 30, 2015 7:13 pm

Imigração: Novos caminhos e novas línguas.



O Canadá é dos países que mais recebe imigrantes do mundo. Seus serviços públicos de extrema qualidade, segurança de ponta e forte combate a desigualdade social o fazem um imã para as massas a procura do bem estar social. Vancouver, como parte desse território, não poderia ser diferente. Durante os últimos anos grandes grupos das mais diversas origens assentaram-se nos domínios do Mausoléu, e com eles, parasitas, lobos e parentes a muito perdidos...

Imigração Humana


Os dois grupos mais notáveis de imigrantes em Vancouver são aqueles provenientes da Ásia, principalmente China e Sudeste Asiático, e aqueles provenientes do Haiti. Seus motivos divergem, mas pode-se concluir sem muito esforço que todos vieram para Vancouver com um objetivo: Reconstruir suas vidas.

Era de se esperar que, em um país como o Canadá, estes imigrantes recebessem o melhor dos serviços públicos e fossem acolhidos de forma confortável pelo governo canadense. Isto, no entanto, é uma meia verdade. Apesar de viverem em condições de nenhuma forma desumanas, os imigrantes não recebem toda a ajuda que necessitam para se estabelecer no novo país. Por motivos ainda não certos, estas populações estão passando por dificuldades... Dificuldades que podem ser a força motriz para um novo cenário canadense.

Outras parcelas populacionais minoritárias podem ser notadas em Vancouver: Turistas europeus, universitários brasileiros, milionários mulçumanos, famílias ciganas, entre muitas outras etnias. Uma parte significativa das rendas de Vancouver provém do turismo, em suas mais diversas formas, que cresce a cada ano. Esta fonte de renda compete com a antiga e bem estabelecida indústria extrativista e com as recentes industrias de alta tecnologia que se instalam na cidade desde a década de 90.

Imigração Cainita



Para os cainitas a imigração humana pode significar três coisas: Novas fontes de alimento, uma nova indústria para controlar e a possibilidade de parentes longínquos aparecerem em seus domínios...

Um dos charmes do Mausoléu comandando pelo punho de ferro de Schuttenbach é a proteção a todo e qualquer cainita que siga as leis de Vancouver. Isso, certamente, atraí os mais variados perfis de cainitas: Fugitivos procurados pela lei da máscara, perseguidos religiosos do sabá, anarquistas, membros de antigas linhagens esquecidas... Todos são bem vindos no grande mausoléu!

Isso combinado com a independência da cidade poderia certamente trazer problemas para a comunidade cainita da cidade. Ataques de ambas as seitas ou de clãs independentes não seriam incomuns para um local que guarda os piores dentre os piores... Sim isso seria uma realidade caso Percival não contasse com uma linha de frente mais do que poderosa. Vancouver é protegida pelas 12 tribos da nação Garou, que circundam e patrulham todas as bordas da cidade, sejam essas terrestres, marítimas, aeroportos ou esgotos e, por isso, o Príncipe da cidade é capaz de fazer tal oferta tão graciosa à aspirantes de imigrantes mortos-vivos...

Lógico, que essa migração tem leis. Vampiros podem apenas adentrar Vancouver mediante certas regras muito específicas... Uma pena que nem todos saibam disso...

Vendo sobre o outro aspecto da imigração, a indústria do turismo vem rendendo milhões de divisas aos cainitas mais bem estabelecidos do domínio. Com a notável participação dos Toreadores da cidade, do Príncipe e seu clã, e uma menor influência dos Brujah e Gangrel da cidade, esta área econômica vem crescendo e sendo responsável por boa parte das divisas de Schuttenbach e consequentemente da cidade enquanto governo. Área estratégica, este setor econômico foi um dos pontos chave no acordo com os garou. Os cainitas, em conjunto com alguns setores de lupinos, desenvolveram as indústrias do turismo e das altas tecnologias para freiar as antigas e bem estabelecidas indústrias de extração da região.

Tais medidas logicamente não agradaram a todos. Setores mais conservadores da sociedade lupina, como os Red Talons, conclamam que o Eco-Turismo cainita é um insulto à gaia e que deixar estes cadáveres entrarem sem punição nas florestas e cavernas de gaia é entregar informação para o Inimigo. O contexto político garou também não ajuda, mas como diz Jack o Estripador, vamos por partes...
avatar
Percival Schuttenbach
Storyteller
Storyteller

Mensagens : 68
Data de inscrição : 02/01/2015

Ficha do personagem
Clã: Lasombra Antitribo
Geração: Oculta
Bando: Triumvirato de Vancouver

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum